Uma Pedagogia que se faz no cotidiano e ultrapassa os muros da unidade!

    Publicado por:  Aline Eluize Cardoso

Na última segunda – feira (17 – 05) nos reunimos para dialogar e partilhar! Compreender o cotidiano de cada criança é essencial para estarmos juntos em todos os tempos! Um tempo que faz ressignificar outras formas de comunicar – se mantendo vínculos entre o CMEI, as crianças e as famílias. Acreditamos na potência das relações do cotidiano!

Nesta partilha nos reunimos para um olhar de atenção, cumplicidade e de apoio as famílias que são mediadoras junto com a unidade das experiências e vivências das crianças na rotina do lar. Conectar – se e entrelaçar laços com as famílias é fundamental!

Neste sentido a EPA – Equipe Pedagógica e Administrativa da unidade juntamente com as professoras e professor das turmas: PRÉ I -  PRÉ ÚNICO A – PRÉ ÚNICO B – PRÉ ÚNICO C -  PRÉ II - EQUIPE DA PERMANÊNCIA, decidiram convidar as famílias para um diálogo para sanar dúvidas e poder ouvir cada um com atenção. O encontro começou com uma fala da Diretora Adrianne Bassani agradecendo a todos e a todas que compareceram virtualmente e convidando os presentes a interagirem, esclarecer dúvidas e promover sugestões para nosso cotidiano. Em seguida as Pedagogas Patricia Celli da Silva Ribeiro e Marjane Santoni do Amaral iniciaram suas falas agradecendo as partilhas enviadas pelos grupos das turmas por meio do aplicativo do WhatsApp diariamente. Uma relação saudável e construtiva que se baseia em valores, tais como sinceridade, a compreensão, o respeito, a comunicação, a capacidade de escutar... Uma Pedagogia que se faz no cotidiano e ultrapassa os muros da unidade!

Dentre os assuntos abordados no encontro as vivências do cotidiano, do lar e dos Quintais de nossas crianças foi evidente. Entender a importância do lar e de nossos Quintais como laboratórios de aprendizagens para as crianças foi ponto chave para esclarecer as dúvidas que surgem ao decorrer do cotidiano desde o momento que a pandemia iniciou e se estendeu também para esse tempo em que estamos vivendo. Destacou - se também as culturas que circulam entre as aprendizagens das crianças e adultos, que se misturam nas diferentes formas de viver e sentir o mundo nos lares de cada um. As participações das famílias como mediadoras dos processos juntamente com o CMEI ressalvam as relações que acontecem no dia a dia.

Foi destacada a importância das propostas complementares que são processos de continuidade das vivências, experiências e aprendizagens das crianças no cotidiano. Momentos de criação, imaginação, brincadeiras, aconchego e acalento que circulam no ambiente do lar. Convites que provocam a experiência da capacidade criadora, ouvindo os desejos e interesses das crianças.

No encontro com as famílias cada participante teve a oportunidade de expressar – se dialogando sobre as experiências e aprendizagens das crianças no lar. Momentos de prosas que ajudam a entender o contexto da Educação Infantil e compreender as infâncias. Nessa participação democrática de dar voz e vez aos sujeitos inseridos na comunidade que continuamos entrelaçados no caminhar para uma educação de qualidade. Pais, responsáveis e profissionais da educação que cultivam as relações do brincar entre adultos e crianças!

Nesta linda prosa conversamos com as crianças sobre as brincadeiras, sobre os seus animais de estimação, sobre a casa e muito mais... Momentos de acalento e de diálogos com as crianças que nos permitem pensar em novas possibilidades de encontros virtuais cheios de aventuras, magias e encantamentos.

Eterno Abraço! Equipe CMEI Ciro Frareheart

 

Autor: Aline Eluize Cardoso | Fonte: CMEI Ciro Frare
00296283.jpg
Registro do encontro realizado com as famílias no dia 17 de maio de 2021.
1/14