Um livro é um brinquedo feito com letras. Ler é brincar! Rubem Alves

    Publicado por:  Bruna Eloiza Monteiro Mauricio

 Na Educação Infantil, a imersão na cultura escrita deve partir do

que as crianças conhecem e das curiosidades que deixam transparecer. As experiências

com a literatura infantil, propostas pelo educador, mediador entre os textos e as crianças,

contribuem para o desenvolvimento do gosto pela leitura, do estímulo à imaginação e da

ampliação do conhecimento de mundo. Além disso, o contato com histórias, contos, fábulas,

poemas, cordéis etc. propicia a familiaridade com livros, com diferentes gêneros literários, a

diferenciação entre ilustrações e escrita, a aprendizagem da direção da escrita e as formas

corretas de manipulação de livros. Nesse convívio com textos escritos, as crianças vão

construindo hipóteses sobre a escrita que se revelam, inicialmente, em rabiscos e garatujas

e, à medida que vão conhecendo letras, em escritas espontâneas, não convencionais, mas já

indicativas da compreensão da escrita como sistema de representação da língua.” (BRASIL, 2018).

Texto retirado do Currículo da Educação Infantil de Curitiba,  p.99.

Autor: Bruna Eloiza Monteiro | Fonte: https://educacao.curitiba.pr.gov.br/conteudo/curri
00341008.jpg
Momentos no CMEI COQUEIROS
1/8