Proposta Lúdica PRÉ I

    Publicado por:  Franciele Fitz

          Em um momento de conversa com a turma, o Enzo começou a comentar sobre sua casa, que tinha cor verde escuro. A partir desse comentário, surgiu interesse das crianças em falarem sobre sua casa, com quem moravam, o que mais gostavam nela, entre outras curiosidades. Então, surgiu a ideia de aprofundarmos melhor o assunto e conhecer melhor onde e como vivem nossas crianças, sua cultura familiar.

         No dia 29/05, iniciamos nossa proposta visitando o entorno do CMEIpara conhecer onde o Murilo mora com seu avô Salomão e o restante da família. No percurso, vimos o CMEI pelo lado de fora do muro de palitos, conhecemos o Ribeirão dos Padilhas que passa nos fundos, o Liceu de Ofícios que está sendo reformado e que será transformado em um Armazém da Família, vimos a casa do Marcelo e da Myrella  e descobrimos que eles moram pertinho da casa do Murilo. Durante o percurso, fomos acompanhados pela guarda municipal, que gerou muita curiosidade por parte das crianças, queriam saber mais sobre eles.

         Quando chegamos à casa do Murilo, vovô Salomão nos recebeu com muita alegria e um grande sorriso no rosto. Acolheu as crianças de uma forma tão amistosa que todas entraram prontamente sem hesitar. Estavam curiosos para saber como era a casa do amigo.  O Murilo vibrava: “Eu trouxe os meus amigos na casa minha!” 
Então, o vovô e o Murilo foram mostrar a casa às crianças. Quando chegamos na porta do quarto do vovô, ele quis nos contar a sua história com a sua esposa já falecida. Foi um momento de muita emoção, onde as crianças prestaram atenção no que o vovô contava sobre sua história e o fato de deixar o quarto sempre trancado desde que sua esposa faleceu. Sua história levou todos os adultos presentes e o vovô a se emocionarem e lágrimas desceram aos olhos.

         Para finalizar a visita, o vovô nos surpreendeu com uma surpresa às nossas crianças: gelatina e suco. Saborearam com muita alegria! No final, agradecemos o vovô Salomão pela hospitalidade e finalizamos nossa proposta brincando no parquinho de areia próximo ao CMEI.Ao chegar no parquinho, muitas interações e brincadeiras. As crianças puderam brincar livremente com os baldinhos e pazinhas que levamos, escalaram o trepa-trepa, brincaram nas gangorras e escorregaram de diferentes formas no escorregador. Depois de brincar muito, voltamos para o CMEI com vontade de quero mais... Vontade de conhecer mais casas e histórias de nossos pequenos e seus familiares, viver novas emoções e brincar em novos espaços... 

          “A casa onde moramos, os lugares por onde caminhamos, aquilo que falamos e aqueles com quem conversamos, dão sentidos e imprimem significados à nossa existência.”
Manoel de Barros

Autor: Moradias Gramados, CMEI | Fonte: Professoras: Patrícia e Suellen
00177766.jpg
Pré I
1/27