OPERAÇÃO TIRA FOCOS : DENGUE

    Publicado por:  Daniele Seniski Bueno

Durante o mês de março todas as turmasdo CMEI VÓ ANNA realizaram atividades orientativas sobre o mosquito da dengue. Saíram pelo CMEI e no entorno (indo ao bosque e na vizinhança) para observarem locais com possíveis “criadores” do mosquito e nessas saídas as crianças coletaram lixos e potes que tinham água acumulada para jogarem na lixeira. Após as saídas todas as turmas realizaram ações de mobilização para a comunidade:

Vejam as açoes de foram realizadas:

Confeccionaram viseira para todas as crianças citando “os caça mosquito” e num dia de integração fizeram um espaço de cinema em que passaram um vídeo com desenho sobre o mosquito da dengue, as crianças foram sendo convidadas pelo “mosquito da dengue” (uma professora fantasiada) para assistirem e a mesma interagiu brincando no momento da integração.As crianças brincaram também de jogar lixos dentro da lixeira. Os lixos ficaram espalhados pela sala e as professoras ofertaram uma lixeira para que as crianças jogassem os lixos. E no dia 11/03 as crianças saíram com colar citando “Todos contra dengue”.

 Confeccionaram adesivos para colocarem nas camisetas das crianças do CMEI e nos pais para terem lembranças sobre os cuidados com o mosquito.

 Confeccionaram imã de geladeira para as famílias terem lembranças sobre os cuidados com o mosquito “vamos dar uma chinelada no mosquito”

Saíram pela comunidade procurar focos da dengue, juntaram lixo, conversaram com as pessoas na rua, confeccionaram cartazes informativos e cantaram músicas que retratam os cuidados com o mosquito.

 Vestidos de dengue saíram pela comunidade para entregar folders que eles mesmos confeccionaram, uns foram colados nos comércios e outros entregues as pessoas que passavam pela rua e também para os familiares no horário de saída.

Com esse trabalho maravilhoso percebemos que a maioria das crianças já possuíam conhecimentos prévios a respeito do mosquito, relatavam que tinham visto na televisão ou que a família tem comentado em casa. Ao sair pelo CMEI ou ao entorno para entrega de folders a maior preocupação das crianças era em “juntar” o lixo e colocar nas sacolas ou lixeiras e demonstram muita indignação ao se deparar com essas situações. Após toda mobilização no CMEI as crianças se sentiram também responsáveis em serem agentes de informação e transformação.

Autor: Vó Anna, CMEI | Fonte: Pedagoga Daniele Bueno