Música e educação

    Publicado por:  Elenice Mazon da Silva

 Na reportagem UM NOVO HORIZONTE PARA O ENSINO o jornal coloca que o Brasil tem uma oportunidade de ouro para melhorar a educação no país: a exploração do petróleo no megacampo de Libra, licitado há três semanas, vai injetar bilhões de reais na área social. Além disso, uma nova fonte de recursos poderá ser criada com a aprovação do Plano Nacional de Educação (PNE), que tramita no Senado e prevê investimento de 10% do Produto Interno Bruto (PIB) no setor. Ao mesmo tempo, a população brasileira em idade escolar vai diminuir o que permite elevar o gasto por aluno. Com a garantia de recursos, surgem outros questionamentos: que áreas priorizar, e de que forma? A Gazeta do Povo consultou especialistas e faz um resumo das principais ações sugeridas, entre elas a prática da  nossa escola, onde com o aumento dos recursos na área educacional também vai permitir a consolidação do ensino integral de qualidade, que é tido como essencial para a melhoria do aprendizado dos alunos. Na Escola Municipal Eny Caldeira, por exemplo, um projeto que poderá se concretizar com mais recursos é a ampliação das aulas de música. De acordo com a diretora Cibele Santi, a escola conta com um piano, mas não há como proporcionar aulas para todas as crianças. “O sonho é poder dar aulas para todos os interessados.” Atualmente, os alunos do 3º ao 5º ano têm aula de flauta com a professora de Artes Anne Lenardt; porém, os pais precisam comprar o instrumento, que custa R$ 25. Mas o ensino tem grande impacto sobre as crianças. “A primeira mudança é disciplinar. Dedicadas ao instrumento, elas se concentram e se comportam.” A música, planejada dentro de uma proposta curricular ampla, é tida como elemento essencial em uma educação integral de qualidade. “A educação integral não deve separar entre um núcleo de estudos mais sérios e outro de estudos mais lúdicos. Na verdade, considerando o funcionamento do cérebro, música, matemática e geometria e escrita têm núcleos comuns, além de utilizarem os mesmo instrumentos mentais para sua realização”, diz Elvira Lima.

 Disponível em:

http://www.gazetadopovo.com.br/vidaecidadania/conteudo.phtml?tl=1&id=1424272&tit=Um-novo-horizonte-para-o-ensino

Autor: Eny Caldeira, EM | Fonte: Jornal Gazeta do Povo
00025515.jpg
MÚSICA E EDUCAÇÃO
1/7