Meu corpo é assim...

    Publicado por:  Cleonice Serafim da Silva

          Pensando principalmente em oportunizar o reconhecimento do corpo e características pessoais, desenhamos a silhueta das crianças da turma do Maternal II A em um papel kraft e enviamos para casa aos pais, afim de que eles junto com as crianças completassem o desenho com as partes que faltavam, olhos, nariz, boca etc e que utilizassem a sua criatividade no vestuário e acessórios. A medida que as famílias foram concluindo, nos entregaram, a participação foi um verdadeiro sucesso.

          Com todos os trabalhos em sala, realizamos uma exposição no solário, as crianças foram convidadas para apreciar o seu e dos colegas, eles estavam bem empolgados além de curiosos para ver como tinha sido feito o dos amigos. Ao passar a porta da sala e pisar em um espaço cotidiano, mas que naquele momento estava diferente a maioria correu em direção ao seu trabalho para tocar, dar um sorriso um meio abraço e até mesmo um beijo como fez a Ana Paula, todos estavam eufóricos queriam contar ao mesmo tempo quem os tinha ajudado a realizar e mostrar o resultado.

          Ao falarem sobre o seu trabalho percebíamos nas crianças carinho, orgulho e uma imensa alegria ao contar que a mamãe, o papai ou a vovó tinham colaborado nessa produção tão especial.

           A Maria Luiza foi logo contando que fez junto com a mamãe e o papai, que eles deram muita risada realizando a proposta e também que a mamãe cortou um pedaço do seu biquíni para fazer o sapato, mas ficou bem bonito. A Ana Julia estava toda contente relatando a mamãe e a vovó tinham ajudado ela a fazer. Enquanto isso nosso amiguinho Pedro disse que fez com sua mamãe e que foi bem legal porque ele pode pintar com tinta guache. Já a Luana falou que a mamãe e o papai fizeram junto com ela, mas ela que foi mostrando cada parte do corpo para eles. O Alef contou que escolheu pintar de canetinha junto com a mamãe e a nossa amiga Laura relatou que foi o papai que fez, mas o coração foi ela quem pintou “e ficou muito bonito”.

           As crianças observaram o de todos os colegas  e estavam muito envolvidos demonstrando inúmeros sentimentos e atos de cuidado com a proposta, cada um tendo uma reação diferenciada a Dara apresentava e explicava para cada colega as partes do corpo, enquanto o Lucas e a Cecília ficaram próximos ao deles com receio que alguém estragasse, o João e a Sophia apresentaram um pouco de resistência em deixar os colegas apreciarem o deles, mas aos pouquinhos foram se sentindo mais confiantes e permitiram. Já a Livia observou de todos parava na frente de cada um passava a mão e comentava, teve um momento que até deu a mão para sua colega Laura e juntas saíram apreciando todas as produções.

           Mas nossa exposição não acabou por aqui, foi tão boa, que nos dias 02 e 03 de maio, decidimos expor tudo no hall de entrada, para que além da nossa turma todo o CMEI e os familiares pudessem ter o contato com esse trabalho maravilhoso. E então no momento da saída as crianças passaram apreciando o seu trabalho com os familiares e mostrando o de seus colegas. A Laura mostrou para a avó e para o tio os realizados pelos colegas em seguida toda orgulhosa foi mostrar o dela.

     Nosso maior objetivo foi alcançado, proporcionamos alegria as crianças, prazer em apreciar, compartilhar experiências e orgulho ao mostrar algo que a represente e nada disso seria possível sem a presença e colaboração dos familiares. Obrigada.

 

Autor: São Carlos, CMEI | Fonte: Maternal II A - Crislayne e Estela
00213395.jpg
IMG-20190416-WA0105.jpg
1/15