Fundo Rotativo: Educação deposita mais R$ 4 milhões para manutenção de unidades educacionais

    Publicado por:  Maria Duarte

Prefeitura de Curitiba depositou, esta semana, R$ 4.037,439,00 da quarta parcela do programa Fundo Rotativo para escolas, Centros Municipais de Educação Infantil (CMEIs) e Centros Municipais de Atendimento Educacional Especializado (CMAEEs).

O Fundo Rotativo é o programa que repassa diretamente à conta das unidades educacionais recursos para pagamento de serviços de manutenção – como troca de vidros, telhas ou desentupimentos - e compras de itens para o dia a dia, como produtos de limpeza e materiais didáticos, esportivos e de escritório.

Os valores destinados a cada unidade dependem do tamanho e do número de estudantes matriculados.

A secretária municipal da Educação, Maria Sílvia Bacila, explica que a descentralização dos recursos, que vão direto para a conta de cada unidade educacional, garante agilidade na administração.

“Os gestores administram os gastos e fazem a prestação de contas posteriormente, o que pode ser acompanhado pela população, via internet”, explica a secretária.

Este ano, a Prefeitura também depositou cota extra no valor fixo de R$ 2 mil por unidade educacional para aquisição ou fazer manutenção de itens complementares de segurança, como interfones com câmeras (vídeo porteiro), sensores e fechaduras eletrônicas.

Este ano, o Fundo já repassou recursos no valor total de R$ 17.528.333,00. Até o final do ano será liberada mais uma parcela.

Transparência

A população pode acompanhar a utilização do dinheiro pela internet. As informações estão no site da educação. A movimentação fica registrada no sistema Gestão de Recursos Financeiros, inclusive os dados dos anos anteriores.

Em caso de dúvidas, os gestores podem consultar o manual. 

Acesse as dez perguntas sobre o Fundo

Autor: SME | Fonte: SME
00432924.jpg
Com apoio da comunidade, unidades escolares podem ser beneficiadas nos sorteios. Foto: Luiz Costa/SMCS
1/1