Festa Tropeira no CMEI Vila Osternack

    Publicado por:  Dayanne Fabrili Gomes de O. Adams Evangelista

No mês de julho o CMEI Vila Osternack fez com e para as crianças uma festa junina temática chamada "Festa Tropeira".

As professoras da equipe de permanência Jussara, Nelva e Valéria e o professor Fernando do Pré IA apresentaram a história do tropeirismo no Paraná para as crianças. O objetivo da festa foi valorizar a cultura local paranaense, fomentando o sentimento de pertença das crianças pela cidade.

Para a festa, todo um cenário especial de tropeirismo foi montado para a construção do imaginário das crianças. A festa ainda foi embalada ao som de Nhô Belarmino e Nhá Gabriela, cantores curitibanos não conhecidos pelas crianças, permitindo sua ampliação de repertório musical. Para o cenário da festa ainda foram utilizados os "azulejos de isopor" (confecionados com isopor reaproveitado) pintados pelas crianças numa revisitação às obras de Poty Lazzarotto, cujo artista pintou o Painel do Tropeirismo na Lapa e que as crianças conheceram na proposta lúdica do Vagão do Armistício.

Entre comes e bebes havia pinhão, bolo de milho e mandioca, sopa tropeira e chá. A lembrancinha da festa foi uma trouxinha com pinhão dentro, simbolizando a forma com que os tropeiros carregavam suas cargas e o alimento mais comum da região na época.

A festa começou as 9:00 da manhã para as crianças e foi aberta ao público às 16:00 horas, sendo o maior sucesso, onde crianças e famílias aprenderam se divertindo.

Autor: Vila Osternack, CMEI | Fonte: Dayanne Fabrilli Adams Evangelista