Encantando e Alfabetizando no Apoio Pedagógico do CAIC Bairro Novo

    Publicado por:  Patricia da Rosa Molina Treufeldt

Hoje na Página do CAIC vamos conhecer o belo trabalho realizado pelas professoras Tatiana Cabreira Conci (que é professora de História no turno da manhã e mediadora a tarde) e Camila Rocha (professora de Língua Portuguesa manhã e tarde)  no  apoio pedagógico  com os estudantes do 2º ano e 3ºano.

O  apoio pedagógico  é ofertado para ao estudante que não deu conta do aprendizado no espaço coletivo da sala de aula, e que precisa de um atendimento individualizado, “de um olhar atento” como colocou a professora Tatiana.

A professora Camila trabalhou com estudantes de 2º e 3º ano. Inicialmente a professora trabalhou com a identidade dos estudantes dentro do espaço escolar, turma, professoras de todas as áreas etc..O trabalho com o alfabeto teve de ser retomado, e a professora utilizou muitos jogos como "trinca mágica" que relaciona imagens, ás rimas, bingo das letras iniciais. Todo esse trabalho numa perspectiva lúdica foi importante para que os estudantes começassem a escrever palavras e frases que depois passavam pela reescrita com a professora Camila.

A professora trabalhou também com o livro clássico " A Casa Sonolenta" (autor : Audrey Wood- Coleção Abracadabra). A leitura da história propiciou que os estudantes do apoio a recontassem, trabalhando assim a sequência lógica da história. As dificuldades ortográficas também foram trabalhadas construindo assim um aprendizado de significado para os estudantes que como frisou a professora Camila também foi resultado do trabalho realizado com as professoras regentes e co-regentes que atendem esses alunos. Exemplo da superação promovida pelo trabalho pedagógico coletivo do CAIC Bairro Novo é o estudante Lian D´Luca Pinheiro do 2º ano A, que chegou ao apoio pedagógico com baixa autoestima dizendo que não sabia as letras e nem escrever. "Eu já sei ler, vou ler muito na minha vida, vou ser uma pessoa digna" fala do empolgado Lian agora apaixonado pelos livros. Para a orgulhosa professora Camila "vê-los superando as dificuldades que tinham no comecinho e a valorização da autoestima é uma grande realização."

A professora Soraia Paixão atendeu os estudantes do 3ºano no apoio, e o trabalho seguiu a mesma organização avaliação diagnóstica, trabalho intensivo de alfabetização através do lúdico com muitos jogos tanto para o trabalho com a matemática quanto para a Língua Portuguesa. A professora Soraia contou a Página do CAIC a importância do uso do caderno para sistematizar o conhecimento adquirido durante as atividades do reforço. Para a professora Soraia o sucesso dos estudantes que fizeram o reforço foi possível graças a ação conjunta das professoras do apoio, corregentes e regentes.

No grupo da professora Tatiana que atendeu estudantes do 2º ano, o trabalho teve início com uma avaliação diagnóstica no sentido de identificar as necessidades de cada estudante seja na produção textual, na leitura ou na matemática.O encaminhamento metodológico privilegiou os jogos pedagógicos que foram confeccionados pelas professoras Tatiana e Camila Rocha ( acompanhem nas fotos) como jogo da memória, dominó, bingo .. Num segundo momento do trabalho os estudantes montaram palavras que começaram a realizar a leitura. Ao final do trabalho do apoio eles estavam lendo livros e produzindo textos.

A professora Tatiana observou que alguns estudantes costumavam xingar os colegas e então optou por trabalhar uma historinha que contemplasse o quanto algumas palavras são inadequadas para as crianças.  A professora optou pelo trabalho com o livro “A Palavra Feia de Alberto” (autor : Audrey Wood- Coleção Abracadabra). Os estudantes se divertiram com a historinha e fizeram produções de texto sobre ela.

A visita ao Zoológico oonde os estudantes foram acompanhados de suas professoras regentes Elenir e Michele Barroso também rendeu bons frutos pedagógicos. Encantados com a girafa, os estudantes produziram textos também.

As aulas do apoio pedagógico de Matemática aconteceram a partir de muito material concreto como palitos e materiais dourado para trabalhar situações problema de adição, subtração e noção de multiplicação.

Momentos inesquecíveis como quando o estudante Gabriel Alves de Andrade do 2º ano B , conseguiu superar a dificuldade de ler sílabas complexas, e leu com desenvoltura a história do Coelhinho na Estrada, emocionou a professora Tatiana e empolgou toda a turminha. A avó do estudante, Marlene Lazarini, muito emocionada contou à Página do CAIC a importância do apoio na vida de seu neto: " ele aprendeu a falar corretamente, lê tudo, queria vir todo dia pro ferorço mesmo quando já tinha acabado."

O encerramento das atividades aconteceu com uma festa preparada pela professora para os estudantes. “Criei um vínculo muito importante com os alunos, comida é afeto” colocou a professora Tatiana que presenteou seus alunos com um envelope recheado de mimos e delícias. Os estudantes sentiram-se valorizados pela professora do reforço e tiveram a auto estima aumentada. Com o estabelecimento de vínculo e atividades diferenciadas tanto a corregência quanto o apoio pedagógico fizeram a diferença na vida desses estudantes.

 "Esse trabalho é de suma importância para o desenvolvimento das crianças, é uma realização profissional dos professores verem o crescimento dos alunos" colocou a diretora Neiva do Prado Leão. Parabéns professoras Camila , Soraia, Tatiana e também as professoras Daniela e Josiane.

Se você gostou desta notícia ou de outra postada aqui na Página do CAIC Bairro Novo é só clicar no ícone na rede social que você utiliza ao final da postagem para compartilhá-la. A educação pública  de qualidade agradece!

Autor: Patricia Molina Treufeldt | Fonte: Tatiana Cabreira Conci/ Camila Rocha/Soraia Paixã
00055386.jpg
apoio
1/22