Diplomação do Grêmio Estudantil da Escola Municipal Júlia Amaral Di Lenna

    Publicado por:  Paulo Henrique Machado

No dia 11/04, realizou-se no Tribunal Regional Eleitoral do Paraná (TRE) a cerimônia de diplomação do grupo de 120 estudantes municipais eleitos para composição dos Grêmios Estudantis.

A ação faz parte do programa Informando o Cidadão - Eleitor do Futuro, desenvolvido em parceria entre a Secretaria Municipal da Educação e o Tribunal Regional Eleitoral.

Uma das propostas desenvolvidas no programa é o processo para escolha pelo voto direto aos representantes dos grêmios estudantis. Neste ano, participaram da eleição mais de sete mil estudantes das onze escolas municipais que ofertam turmas da segunda etapa do ensino fundamental, do 6.º ao 9.º ano.

A secretária municipal da Educação, Roberlayne Borges Roballo, participou da cerimônia que reuniu também pais dos estudantes diplomados. Ao entregar os certificados ressaltou a importância da organização dos movimentos estudantis para que crianças e adolescentes possam vivenciar e compreender o significado de participação em uma sociedade democrática. “Quando os estudantes começam a se articular fazem ser ouvidos seus desejos e seus direitos de cidadão passam a ser valorizados”, disse Roberlayne.

Nos Grêmios Estudantis, os alunos municipais participam ativamente do processo eleitoral, desde a candidatura, campanha política, votação e diplomação das chapas eleitas. A etapa seguinte tem a fiscalização atenta dos colegas, que cobram o cumprimento dos compromissos assumidos em campanha. Segundo o juiz membro do TRE, Jean Carlo Leeck, os estudantes desenvolveram em suas escolas o exercício de cidadania que deve ser incorporado por toda a vida. “Esta não é uma iniciativa nova, mas que se renova a cada ano, despertando em cada estudante que participa o prazer em participar e promover mudanças”, disse Leeck.

Também participou da cerimônia de diplomação a diretora geral do TRE, Ana Flora França e Silva, a superintendente de gestão educacional da Secretaria Municipal da Educação, Ida Regina Moro Milléo de Mendonça e o superintendente executivo, Marcos Flávio Schiefler Filho.

A organização estudantil se constitui num espaço onde o jovem pode compreender e exercitar a convivência em grupo de maneira organizada, possibilitando-o atuar numa sociedade democrática, pois a democracia é o fundamento do exercício da cidadania, logo, a participação nos Grêmios permite aos estudantes refletir e buscar as transformações que conduzem à melhoria da qualidade do ensino e da aprendizagem.

Autor: NRE Boa Vista | Fonte: Claudia Muniz, SME
00033067.jpg
Diplomação do Grêmio Estudantil da Escola Municipal Júlia Amaral Di Lenna
1/4