Curitiba apresenta experiências inovadoras na educação em evento internacional

    Publicado por:  Claudia Pereira Muniz

Nesta terça (3/9) e na quarta-feira (4/9) Curitiba é a sede do maior evento de inovação educacional da América Latina, o Let’s Go Festival. No Centro de Eventos da Federação das Indústrias do Estado do Paraná (Fiep), a secretária municipal da Educação de Curitiba, Maria Silvia Bacila, contou que o município foi em busca das possibilidades e dos recursos disponíveis para inovar, rompendo com estruturas antigas e propondo metodologias diferenciadas para a aprendizagem.

“As experiências inovadoras de sucesso alcançadas na educação municipal caracterizam-se pela integração de projetos e valores conquistados com trabalho, planejamento, pesquisa e compromisso”, afirmou.

A secretária foi a mediadora da mesa-redonda “Inovação na educação Pública”. As autoridades que participaram da conversa ressaltaram a importância de olhar para a realidade do estudante, o papel do professor, as novas tecnologias digitais disponíveis e como as metodologias de inovação ajudam no aprendizado.

Maria Silvia falou dos programas, projetos e ações da Secretaria Municipal da Educação ligados à inovação. Ela citou os Faróis do Saber e Inovação (espaços maker), a Robótica Educacional, o Veredas Formativas, de formação continuada para professores, o Lapi (um laboratório de inovação para experimentação de professores), a Prova Curitiba (instrumento de avaliação e diagnóstico de aprendizagem), o Fundo Rotativo e os Berçários de Inovação (um piloto que leva a 18 Centros Municipais de Educação Infantil os ateliês de atividades, espaços de inspiração para pesquisas, novas ideias e descobertas).

Eficiência

Adriana Sperandio, secretária da Educação de Vitória (ES); Marcelo Ferreira da Costa, secretário municipal da Educação de Goiânia (GO); Herbert Lima, secretário de Educação de Sobral (CE); e Renato Feder, secretário da Educação e do Esporte do Estado do Paraná, também falaram sobre os desafios da inovação na escola pública brasileira e contaram como geraram soluções eficazes para as escolas, atuando com iniciativas e políticas públicas. 

Outro ponto abordado foi a formação dos professores e o que deve ser mudado para que os profissionais estejam preparados e abertos às práticas de inovação. Para Adriana Sperandio, entre os desafios da educação está o diálogo com a contemporaneidade.

“É importante a construção das políticas públicas que fortaleçam e inovem a ação docente e o currículo escolar de forma dinâmica e contextualizada”, disse ela.

Para Herbert Lima, secretário de Sobral, “transparência, valorização e foco no aprendizado” são elementos essenciais para intervir no processo de melhoria da educação. Sobral está em primeiro lugar no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) entre todos os municípios do país.

O evento

O Let’s Go Festival é promovido pela Positivo Tecnologia Educacional. Com a exposição de projetos educacionais, festival de curtas, palestras invertidas, construções coletivas e entrevistas com educadores, o evento proporciona oportunidades de conexões e aprendizado.

Também participam do festival os estudantes da Escola Municipal Coronel Durival Britto e Silva, no Cajuru. O grupo compõe a equipe de robótica Conectados da escola, que ganhou o terceiro lugar em design de robôs no Aberto Internacional do Líbano, realizado de 14 a 16 de junho, na cidade de Biblos.

A Escola Municipal Margarida Orso Dalagassa, no Tatuquara, também conta com a participação de dez estudantes que estão apresentando suas experiências com o programa Inventura Experience, um projeto de programação, organizado pela Micro:bit Educational Foundation.

 

 

 

 

 

Autor: SME | Fonte: SME