Curitiba 321 anos no CMEI Vila Torres: "é onde a gente vive".

    Publicado por:  Marianita Truch Klamas

Ao perguntar para uma pequena criança o que vem a ser uma cidade não ouvimos uma resposta complexa, mas sim uma simples e ampla resposta: “é onde a gente vive”! Resposta sábia que traz em si uma tenra e honrosa lição. Quem proporciona VIDA para uma cidade somos nós! É mais que o concreto dos prédios, verdes dos parques e colorido das artes urbanas; são os entrelaçados dos cidadãos que lá habitam.

Construímos com o passar do tempo nossa cidade e a melhor maneira de celebrar 321 anos de vivência é conhecer e expressar com alegria e autoria infantil o que há de melhor para se amar em Curitba!

No CMEI Vila Torres começamos a semana com variadas atividades significativas, cada qual adequada para a faixa etária correspondente, integrando em todas as expressões de amor por nossa Curitiba.

Pequenos artistas de Berçário (3 meses – 2 anos e 4 meses) com tintas pintaram e colaram figuras de nossa cidade em um bolo feito com caixas em comemoração, no Berçário também foi feita a produção de um cartaz confeccionado com a pintura das crianças e as felicitações de aniversário escritas.

Maternal I (1 ano e 5 meses – 2 anos e 4 meses) e II (2 anos e 5 meses – 3 anos) conversaram durante a semana com as crianças sobre vários pontos turísticos, inclusive apreciando filmes destes; sendo escolhido como ponto de referência primordial o Teatro Paiol. A escolha se deve ao fato do CMEI estar situado logo na frente deste marco histórico da cidade, desta maneira ficando mais fácil a observação concreta deste para as crianças pequenas. Por fim realizou-se a produção de um bolo, no qual o MI fez a grama que há em volta do Teatro e o MII pintou o prédio com corante alimentício.  As festas foram em momentos diferentes por causa de um passeio divertido do qual a turma do MII participou, mas a alegria das crianças em ver sua produção foi gratificante nas duas turmas!

Também houve o aprofundamento do conhecimento das crianças do MIII (3 anos – 4 anos) sobre o Parque Barigui, pois as crianças se interessaram sobre o jacaré que lá vivia. Com uma linda música que conta a história do jacaré, que além de no pantanal também vive no Barigui, eles encantaram as turmas do CMEI com sua apresentação. Já as salas dos Prés (4 anos – 5 anos) realizaram uma exposição de desenhos, que retrata o transporte público de Curitiba (construindo um laço entre o passado e o presente em suas pesquisas) e outra com desenhos de observação do Teatro Paiol.

Além de exposições de fotos, relatos das famílias sobre passeios que já realizaram pela cidade e outros desenhos que as salas exibiram pelos corredores do CMEI, coloridos de tanta cultura!

Para finalizar a semana com uma grande celebração, que marque nossa vivência nesta cidade, convidamos as crianças dos Prés, MIII e MII para visitarem o Teatro Paiol e realizarem um ato simbólico de amor para a cidade oferecendo um forte abraço em volta do ponto turístico. Proporcionando desta maneira um laço eterno de carinho e amor pela cidade que nos acolhe todos os dias, reinventando e construindo a cidade que nos acolherá no futuro!

 

Autor: Marianita Truch Klamas | Fonte: Turmas do CMEI
00031087.jpg
Os dois juntos: bolo e construção histórica!
1/9