Campanha Faça Bonito

    Publicado por:  Rosani Machado

A violência sexual praticada contra a criança e adolescente envolve vários fatores de risco e vulnerabilidade quando se considera as relações de geração, de gênero, de raça/etnia, de orientação sexual, de classe social e de condições econômicas. Nesse contexto, a criança ou adolescente não é considerada sujeito de direitos, mas um ser despossuído de humanidade e de proteção.

Em 1973, um crime bárbaro chocou o Brasil. Seu desfecho escandaloso seria um símbolo de toda a violência que se comete contra as crianças.

Para marcar essa data de luta pelo fim da exploração sexual e comercial de crianças e adolescentes, e para conscientizar a sociedade e as autoridades sobre a gravidade do problema, o dia 18 de Maio foi instituído em 1998, como dia Nacional de combate ao abuso e a exploração sexual contra crianças e adolescentes.

A campanha tem como símbolo uma flor, com o slogan “Faça Bonito” – Proteja nossas crianças e adolescentes – e quer chamar a sociedade para assumir a responsabilidade de prevenir e enfrentar o problema da violência sexual praticada contra crianças e adolescentes no Brasil.

Como o espaço escolar faz parte dessa campanha, a professora Denise Schmitz Ribeiro, trabalhou sobre o assunto com as turmas do 5º ano A, B e C. O trabalho teve início com o relato da história do caso acontecido em 1973, seguido do vídeo “Pipo e Fifi”, que aborda o tema de uma forma clara, mas lúdica, orientando as crianças como devem proceder em situações como esta. O tema foi explorado, conversado e debatido com os alunos com muita atenção e responsabilidade.

Para finalizar o trabalho, cada aluno confeccionou uma flor e escreveu dentro dela uma mensagem sobre a campanha.

Para maiores informações acesse  http://www.forumdca.org.br

Autor: Prof. Leonel Moro, EM | Fonte: Professora Denise Schmitz Ribeiro