BIENAL DE ARTE/EDUCAÇÃO DA SME

    Publicado por:  Andrea Isaura Machado Meneghello

       A proposta de Esculturas Eletrônicas foi realizada pelas Professoras Laura Elise Rossetti Klepa e Virginia Roters da Silva dos 5º anos. Ideia de realizar este trabalho surgiu a partir do Curso de Arte e Tecnologia Digital para professores da SME.

      Iniciamos no mês de maio uma coleta de componentes eletrônicos usados, com a colaboraçãodas famílias de nossos alunos dos quintos anos.

      O projeto foi desenvolvido em etapas distintas, tais como: coleta de materiais eletrônicos, separação, montagem, colagem e pintura dos Cd´s. Além de orientação para instalação de luzes nas esculturas robôs usando led´s, baterias, fios condutores e massinhas de modelagem.

      Com o objetivo de aliar a Arte à tecnologia, os estudantes conheceram alguns artistas contemporâneos que utilizam a tecnologia em suas obras, entre eles destaca-se Cai Guo-Qiang e seu Robô Fábrica de Wu Yulu (2013), onde os robôs pintam para homenagear outros artistas como o pintor Jackson Polloc. Também conheceram o casal britânico Lenny e Meriel Lenfesteys que constroem pequenas figuras utilizando peças eletrônicas.

       Nas aulas de arte, puderam assistir vídeos sobre a construção de robôs no mundo. Robôs gigantes, robôs fortes, robôs com alta tecnologia e os “spareboats” que deram base para o nosso projeto.

       Com este projeto foi possível trabalhar com um ambiente educativo que desafia as diferentes possibilidades de aprendizagem e habilidades nos diversos níveis, fazendo com que os estudantes percebam a importância de somar os diversos talentos e assim reconheçam que as habilidades e as vivências se completam.

       É importante salientar que possibilidade de reuso de todos esses componentes que são considerados lixo, transformaram a sucata eletrônica em beleza e arte.

Autor: Des. Marçal Justen, EM | Fonte: Des. Marçal Justen, EM
00240178.jpg
BIENAL DE ARTE/EDUCAÇÃO DA SME
1/10