Autoeficácia, sua contrução e efeitos no ensino da musica

    Publicado por:  Juciele Gemin Loeper
Título da Oficina: Autoeficácia, sua contrução e efeitos no ensino da musica.

Horário: 09:00 hrs dia 01.08 na Capela Santra Maria

Release do que será dado na oficina

 Investigar as crenças de autoeficácia de professores não especialistas em música, que atuam com o ensino da música em escolas de educação básica do 7º e 9º ano em Curitiba. O método utilizado foi um estudo multicasos, realizado com três profissionais que lecionavam o conteúdo de música no ensino fundamental de escolas da cidade de Curitiba, Paraná. Buscou-se identificar a autoeficácia dos profissionais, com base na análise das entrevistas e das observações sobre as atividades docentes realizadas nas aulas de música. A relevância da pesquisa encontra-se no fato de que, após a edição da Lei 11.769/2008, que instituiu a obrigatoriedade da educação musical no ensino fundamental, o ensino de música se dá através de profissionais da educação que, em sua grande maioria, não possuem graduação na área. O trabalho está baseado na perspectiva social cognitiva, especificamente na teoria da autoeficácia de Bandura. Para tanto, é necessário conceituar a autoeficácia segundo a referida teoria, como a crença pessoal sobre a competência para o ensino, de forma que o indivíduo sinta-se capaz de administrar os recursos existentes com o fim de possibilitar a compreensão de seus alunos quanto ao conteúdo. Por meio dos resultados da pesquisa foi possível verificar aspectos subjetivos e objetivos que lhe permitiam aos docentes acreditar ou não em suas eficácias para a condução das atividades didático/musicais.

 Público a que se destina

Professores, Musicos, Professores leigos em musica, Interessados na área artística.

http://www.hpimentel.com.br/hpimentel/

Autor: Ensino Fundamental - Currículo | Fonte: http://www.hpimentel.com.br/hpimentel/