Acolhimento

    Publicado por:  Ana Beatriz Souza Cerqueira

 

Acolher significa dar conforto, refúgio, abrigo e amparo. É recepcionar e proteger, é tornar o ambiente agradável, para que o outro se sinta aceito e se sinta parte daquele lugar... lugar que desperte nele o pertencimento.

Assim inicia um novo período no CMEI Centro Cívico, recebendo as crianças para o segundo semestre de 2021.

Para acolher as famílias e tranquilizá-las sobre a segurança desse retorno, foram realizadas reuniões, primeiramente nos dias 29 e 30 de julho, com as turmas de Pré I, Pré ll, Maternal II e Pré Único; e nos dias 05 e 6 de agosto, com as turmas do Maternal I e Berçário II. 

Nessas reuniões explicamos os protocolos de segurança, apresentamos o vídeo da Dra Claudia Weingaertner Palm, e passamos outras orientações pertinentes, sobre as rotas de saída por exemplo e sobre o atendimento escalonado nos refeitórios com uma criança por mesa, contando com a cooperação de todos nesse recomeço. A parceria com as famílias é muito importante.

O CMEI, que é um espaço de relações, que prima pelas interações com o outro, com a natureza, e que foca na criança e seus direitos, lugar onde acontecem descobertas o tempo todo durante as brincadeiras, nos momentos planejados e nas sutilezas do cotidiano, está preparado para receber e para acolher.

De início o estranhamento é normal, o familiarizar-se é um processo gradativo, e varia para cada indivíduo o tempo de se adaptar ao novo.

O tempo de cada um precisa ser respeitado, para que esse momento seja tranquilo  para cada criança, com a participação da família enquanto se fizer necessário. 

Momentos ricos de aprendizagem serão vivenciados, aos poucos aquele que chorava se sente parte daquela turma, faz amigos, cria vínculos e percebe que aquele lugar é especial? e com certeza ficará na memória dos que por ele passarem. 

As ações pensadas para receber as crianças no CMEI são construídas em equipe, visando tornar o mais desafiador possível para a criança o ambiente da sala de atividades, a área externa e os brinquedos. As propostas planejadas trazem elementos que ajudam a despertar o interesse, o espírito investigador e a criatividade da criança.

O acolhimento nesse momento leva em conta também a segurança física e a saúde da criança, já que precisamos respeitar protocolos estabelecidos para o bem de todos, nem por isso o acolhimento deixa de ter abraços, ao menos à distância, beijos jogados ao ar, toque dos pés ou cotovelos e olhos sorrindo, por conta das máscaras que nos protegem.

Que este seja um semestre cheio de conquistas para cada criança, que em breve as crianças possam conviver mais próximas e com todas, inclusive com as que estão no atendimento remoto e que nos enchem de alegria, interagindo por meio de fotos, vídeos e áudios recebidos. Nesse coletivo que é o CMEI cada um é importante e valoroso, é parte fundamental para alcançarmos bons frutos durante o semestre que inicia. 

 

                                             “Recomeços se fazem necessários e são bem vindos, pois nos permitem inovar, criar formas diferentes do nosso fazer?”

Autor: Professora Eliane de Chan Oliveira | Fonte: CMEI Centro Cívico
00307313.jpg
acolhimento
1/19