A Loba Boa e a sua versão da história da Chapeuzinho Vermelho no Quielse

    Publicado por:  Cybelle Andriolli Pereira Buhler

               A contação de história é um momento significativo para o desenvolvimento das crianças Edvânia Braz Teixeira Rodrigues em seu livro a  Cultura, arte e contação de histórias editado na cidade de  Goiânia em 2005 destaca que “a contação de histórias é atividade própria de incentivo à imaginação e o trânsito entre o fictício e o real. Ao preparar uma história para ser contada, tomamos a experiência do narrador e de cada personagem como nossa e ampliamos nossa experiência vivencial por meio da narrativa do autor. Os fatos, as cenas e os contextos são do plano do imaginário, mas os sentimentos e as emoções transcendem a ficção e se materializam na vida real”.

              Assim, quando na Educação Infantil as crianças tem contato com diferentes versões de uma história percebe que a linguagem tem diferentes funções e que ela pode usa dela para expressar-se.

            A contação ocorre duas ou três vezes por semana dependendo da faixa etária.

            Hoje, destacamos  a contação da versão da História da Loba Boa que reconta a história do Chapeuzinho Vermelho, mostrando que tudo foi um mal entendido e que ela estava só tentando ajudá-la.

             As crianças no início estavam com medo, mas na medida em que a Loba contava as crianças foram empáticas e aos poucos foram chegando perto.

Acompanhe pelas fotos... 

Autor: Conselheiro Quielse C. da Silva, CMEI | Fonte: Cybelle Andriolli