A infância acontece aqui... e também lá fora.

    Publicado por:  Karin Cristina Coradin

"A natureza não faz nada em vão."

A frase é do filósofo Aristóteles, que viveu no século IV antes de Cristo, mas é sempre muito atual, especialmente nestes tempos em que a tecnologia vai invadindo as coisas, as casas e as pessoas sem que a gente se dê conta disso.

E o que dizer do poder da natureza quando se pensa em educação infantil? 

As crianças gostam da natureza, têm curiosidade pela exploração deste espaço, observam transformações, movimentos e admiram sua beleza... e o corpo do ser humano clama (cada vez mais) pela proximidade da natureza. As crianças são seres da natureza e para se desenvolverem integralmente, é junto dela que precisam estar.

O espaço externo do CMEI Irmã Dulce é privilegiado. Muita área verde, espaços com sombra de algumas árvores, dois parquinhos e um gramadão. Não bastasse isso, temos um jardinete ao lado da unidade, que pode ser utilizado quase que como uma extensão da unidade. A prefeitura da cidade tem realizado obras no local, revitalizando e recuperando as grades, além de cuidar do parquinho e do jardim.

E se a natureza não faz nada em vão, as professoras também não. Valorizando os interesses das crianças e demosntrando intencionalidade em suas ações, as professoras passaram a valorizar mais o espaço do jardinete, realizando diferentes propostas e permitindo que as crianças explorem e brinquem por lá.

Batizado de "Jardinete Vereador Lauro Carvalho Chaves" (em homenagem ao criador de outro famoso espaço público da nossa cidade, o Parque Bacacheri), o jardinete conta com uma cancha e um parquinho, onde as crianças têm tido a oportunidade de brincar nestes dias de sol curitibano. Esperamos que não sejam poucos os dias de sol, para que as crianças tenham mais tempo para explorar o espaço, seja desenhando a sombra do colega, jogando bola, brincando de pular corda, procurando a surpresa do coelho, fazendo uso dos brinquedos do parquinho ou até mesmo desenhando numa prancheta, sentado à sombra da árvore ou no topo do escorregador. É a infância que acontece aqui, dentro do CMEI e também lá, em meio à natureza.

Criança, infância, educação infantil, experiências, direitos de aprendizagem, natureza... Tudo que a gente conhece, a gente acredita e a gente ama. E se a gente se preocupar e valorizar tudo isso, nada será em vão.

Autor: Irmã Dulce, CMEI | Fonte: Karin Cristina
00209824.jpg
JARDINETE 1
1/17