A Chave Mágica

    Publicado por:  Dayanne Fabrili Gomes de O. Adams Evangelista

Na fria e chuvosa segunda feira do dia 19 de agosto aconteceu no CMEI Vila Osternack o evento: A Chave Mágica.

O evento faz parte do Projeto Vila Sesamo que tem ocorrido atrelado ao Projeto Família. Estiveram presentes mais de 50 famílias.

O espaço foi organizado de forma acolhedora, estando programada para tarde uma oficina e uma palestra.

Para início da palestra o CMEI contou com o apoio do José de Lima, do Núcleo Regional Bairro Novo, que trouxe, ao som do violão, as músicas "Não custa nada" e "Pequenas Alegrias". Os pais puderam cantar com as crianças e refletir que as melhores coisas da vida são de graça e que nelas residem pequenas alegrias que dão cor à vida.

Para oficina, os pais transformaram caixas de sapatos em baú dos sonhos e memórias. Dentro do baú haviam duas propostas do Projeto Vila Sésamo: "Nossa História" e ´"Árvore dos Sonhos". Na primeira cabia o convite dos pais conversarem com as crianças um pouco sobre sua história, a história da família, cabendo o diálogo e a memória, remetendo ao passado, na segunda cabia sonharem juntos para o futuro. Como proposta cabia o registro por meio de desenhos, dos momentos significativos vividos pela família e dos sonhos futuros. Ainda receberam um cartaz com a árvores dos sonhos, com a proposta de que colocassem em casa o cartaz como lembrete dos sonhos a serem realizados em família.

Para a oficina, o CMEI disponibilizou diversos papéis, tecidos, papelão, cola colorida, cola para tecido, lantejoulas, cola, botões, fios, lápis de cor, canetinhas, tinta guache.. entre outros... para vivência criativa na produção das famílias com as crianças.

Após terminado os baús, as famílias verificaram que dentro havia uma surpresa, a Chave Mágica, para a realização de sonhos, e vários tickets que devem ser validados ainda em 2019 na ação com as crianças. Entre os mais de 30 vales, alguns eram: vale tomar sorvete, vale cantar a música preferida dos pais bem alto, vale tomar banho de chuva, vale andar de bicileta juntos, vale fazer cinema com pipoca em casa... entre outros. Os pais ainda foram estimulados a registrar os momentos por meio de fotos e guardar no baú as memórias afetivas: a embalagem do picolé, a folha da árvore do passeio na praça, um sonho realizado, entre outros, e marcar no face a #chavemagica, compatilhando com o CMEI o tempo de qualidade vivido com os filhos.

Ficou ainda marcado para dia 09 de dezembro um novo momento para socialização dos momentos em família e uma confraternização especial oferecida pelo CMEI.

Após a oficina, a professora Valéria do Pré IA trouxe a psicóloga Andrea para uma conversa com os pais sobre fases de desenvolvimento das crianças e janelas neurológicas para aprendizagem. Este momento faz parte do planejamento da professora para o trabalho que tem realizado com as famílias em sua turma, no entanto, a palestra foi aberta para todo o público do CMEI.

Assim, encerrou-se este momento. Cada família ainda escreveu alguns sonhos em folha de árvore e colaram na árvore dos Sonhos do CMEI. Foi uma tarde fria, porém calorosa, cheia de afetos, amor e sonhos.

Autor: Vila Osternack, CMEI | Fonte: Dayanne Fabrilli Adams Evangelista