15º Farol do Saber e Inovação é inaugurado com cápsula do tempo !

    Publicado por:  Ana Dariley Peters

O Farol do Saber e Inovação Luís de Camões, no Alto Boqueirão, foi inaugurado na tarde desta quarta-feira (10/4) com uma comemoração preparada por estudantes e professores da Escola Municipal Francisco Hübert, vizinha ao equipamento. Os curitibinhas criaram uma cápsula do tempo, com mensagens da escola para o futuro e que deverá ser aberta daqui a dez anos.

O Farol Luís de Camões é o 15º da cidade modernizado para abrigar oficina de criatividade e espaço maker com impressora 3D. A cápsula do tempo fez parte do projeto sobre tecnologias desenvolvido pelos estudantes no novo espaço. 

O mezanino do Farol foi transformado em ambiente inovador de aprendizagem. No local, os 680 estudantes da escola e os moradores do bairro podem planejar e construir projetos baseados na ideia do “faça você mesmo”, a chamada cultura maker. 

“O piá e a guria inventam o desenho, prototipam, imprimem e levam para casa o que criaram. Cada um dos nossos curitibinhas pode virar um leitor e um inventor. É o mundo do futuro que está se desenhando”, disse Greca, que idealizou os Faróis do Saber da cidade na primeira gestão como prefeito.  

Os novos equipamentos e a tecnologia completam o espaço que abriga biblioteca com mais de 4 mil livros e computadores com acesso à internet. Com o selo da inovação o Farol passou a ser referência também como centro de pesquisa e produção.

A revitalização do Farol aconteceu a partir do programa Escola Bem Cuidada e o repasse de R$ 224 mil. Parte desse recurso foi usado em melhorias na escola, como a revitalização do sistema elétrico e a pintura dos muros.

33 Faróis do Saber

O Farol Luís de Camões é o segundo da Regional Boqueirão a receber o selo da inovação. O Farol Mario Quintana, ao lado da escola Wenceslau Braz, foi inaugurado em agosto do ano passado. Até o fim do ano a cidade contará com 33 unidades semelhantes.

“A educação se fortalece e faz importantes entregas para a população em homenagem aos 326 anos da nossa cidade”, disse a secretária municipal da Educação, Maria Sílvia Bacila. Desde a primeira semana de março foram entregues dez equipamentos novos ou revitalizados.

Estudantes fizeram uma apresentação musical e montaram uma exposição interativa sobre as tecnologias do passado, presente e futuro. Eles criaram protótipos de réplicas de equipamentos tecnológicos de diferentes épocas, construíram uma linha do tempo abordando as mudanças dos recursos tecnológicos e um projeto inovador voltado para escolas do futuro. A turma registou em vídeo como idealizam o futuro e parte das projeções foi depositada na cápsula do tempo.

“Gostaria que no futuro a cidade fosse muito segura e que todas as escolas pudessem ter um farol e essa tecnologia que nós ganhamos aqui”, disse o estudante Thiago Rodrigues, 10 anos.

Participaram o administrador da Regional Boqueirão, Ricardo Dias, o secretário municipal de Esporte Lazer e Juventude, Emílio Trautwein, e os vereadores Giovane Fernandes, Colpani e Beto Moraes. Também compareceram os superintendentes da Secretaria Municipal da Educação, Elisângela Mantagute (Gestão Educacional) e Oséias Santos de Oliveira (Executivo), e a diretora da escola, Claudia Simoni da Silva Ativo Costa.

Autor: SME | Fonte: Prefeitura Municipal de Curitiba.
00265242.jpg
Farol do Saber e Inovação Luís de Camões
1/6