Salas de Recursos

Sala de Recursos de Aprendizagem

   As atividades das Salas de Recursos de Aprendizagem (SRA) destinam-se a estudantes com Transtornos Funcionais Específicos (TFE) e dificuldades de aprendizagem, matriculados no ensino regular da Rede Municipal de Ensino de Curitiba. Este atendimento pode se estender até o 5º ano do ensino fundamental.

São 89 salas, distribuídas em escolas das 10 regionais, que contam com materiais diferenciados para atendimento educacional especializado (AEE) e funcionam no horário contrário ao de aula.

A proposta de trabalho deste atendimento tem como objetivo o desenvolvimento das habilidades cognitivas, competências e potencialidades dos estudantes com deficiência, dislexia (dificuldade de leitura), discalculia (dificuldade com raciocínio lógico), disortografia (dificuldade com linguagem escrita), dislalia (dificuldade de articular palavras) e TDAH (Transtorno de Déficit de Atenção/Hiperatividade), por meio de projetos que visam contemplar os aspectos pedagógicos de forma a superar as dificuldades de aprendizagem e também contribuir com o desenvolvimento cognitivo, socioemocional e psicomotor da criança.

 Atendimento

Para ser atendido na Sala de Recursos de Aprendizagem é necessário que o estudante esteja regularmente matriculado nas escolas dos anos iniciais do ensino fundamental (1º ao 5º ano), da Rede Municipal de Ensino de Curitiba.

Além disso, para efetivação da matrícula, é necessária:

  • Avaliação psicopedagógica realizada nos Centros Municipais de Atendimento Educacional Especializado (CMAEEs) ou
  • Avaliação psicopedagógica realizada em clínicas ou instituições externas à Prefeitura de Curitiba, acompanhada do documento de Adequação segundo os parâmetros da Secretaria Municipal da Educação, realizado em estudo de caso no CMAEE de referência da escola de origem do estudante.

 

Telefones

3350-3107 ou 3350 -3137

Horário de atendimento: Das 8h às 12h e das 13h às 17h.

 

 

 

E-mail: diaee@curitiba.pr.gov.br

 

Equipe

Ivana Pinotti (gerente).

Emanuelle Giamberardino Rochavetz Cordeiro (pedagoga referência).